Relatório da Conferência da Ascensão de Taiwan e actualização sobre a Turquia ~ COBRA ~ 24-07-2016

A nossa conferência da Ascensão teve lugar em Taipei, a base de muitos grupos Dragão positivos. O grupo azul, branco e o preto estiveram connosco na conferência assim como o púrpura estava ciente da nossa presença.

O nosso grupo era forte e focado e a nossa equipa de suporte físico e não-físico foi mais eficaz do que nunca e um certo avanço aconteceu nos planos não-físicos, o que indica que o véu vai desintegrar-se “em breve”.

A abertura do véu pôde ser visto energicamente nesta foto com o céu em cor-de-rosa, em Taipei, e que foi tirada alguns dias depois da conferência:

Um certo ciclo foi concluído e estamos a entrar na próxima fase do processo do Avanço onde as coisas vão escalar até ao Avanço por Compressão. Mais informações serão lançadas sobre isso num futuro próximo, assim como informações sobre as negociações para a rendição.

Apenas algumas horas antes do início da conferência, um golpe militar na Turquia teve lugar. O golpe foi levado a cabo pelos militares positivos na Turquia contra Erdogan e foi esmagado pela facção militar negativa dos EUA tal como instruído pelos seus comandantes czarianos / jesuítas. Embora o golpe tenha fracassado, ele elevou o panorama geopolítico para um nível totalmente novo Isso vai levar para o reconhecimento das facções que desestabilizam o Oriente Médio. Isto levará a resolução de todos os conflitos militares por todo e à paz planetária no momento do Avanço por Compressão.

Esta foi a informação que eu recebi no dia após o golpe, sobre a situação na Turquia a partir de uma fonte fiável no Oriente Médio:

O golpe foi realizado por 60% do exército turco, incluindo pessoal da força aérea e soldados na reserva que sairam às ruas para apoiar os seus colegas contra a ditadura de Erdogan…

Os tanques do exército sairam às ruas em Ancara e Istambul, as maiores cidades turcas, e os helicópteros do exército que transportavam soldados que assumiram o comando dos centros de infraestruturas vitais e isso foi concretizado com sucesso. O controlo foi conseguido sobre o edifício da TV estatal, o Aeroporto Internacional de Ataturk e as casas do Parlamento e do Palácio Presidencial onde Erdogan estava. Ele foi levado de helicóptero militar para o aeroporto internacional de Ancara onde ele pediu para deixar o país imediatamente…

Erdogan aprovou as exigências dos líderes do golpe sob condição de preservarem a sua vida e a da sua família o que lhe foi concedido. Então ele gravou uma mensagem de voz pelo Skype a bordo do avião a pedir aos seus apoiantes para sairem às ruas e pararem o golpe…

Ninguém saiu às ruas durante as primeiras horas do golpe e a situação era confusa. Aqueles que apoiavam o golpe eram aos milhares marchavam ao lado de tanques do exército cumprimentando os soldados e levantando a bandeira da Turquia, referindo-se ao fundador da Turquia moderna, Mustafa Ataturk …

O que aconteceu depois?

Erdogan voou do aeroporto de Ankara para fora do país e eu pediu asilo à Alemanha, mas a Alemanha recusou. Posteriormente pediu ao Azerbaijão que lhe negou o pedido assim com o Irão o fez na sua cara.

Erdogan não teve escolha a não ser voltar. Um telefonema entre Obama e Erdogan ocorreu no avião tal como reportado pelo Washington Post, e ele pediu e foi-lhe dada permissão para aterrar na base militar dos EUA em Incirlik, no sul da Turquia.

Momentos depois disso 12 aeronaves não reconhecidas F-16 nos céus de Ancara e Istambul interceptaram e abateram 25 helicópteros do exército turco que transportavam soldados e alguns líderes que estavam a caminho para controlar os centros vitais do país, e uma guerra real teve lugar no ar entre helicópteros do exército turco e a força Aérea Americana… abateram todos os helicópteros do exército turco e ao todo mataram mais de 800 soldados e 50 oficiais… A CIA comunicou com eles e exigiiu-lhes que se rendessem e parassem o golpe, caso contrário eles iriam esmagar os soldados turcos na fronteira e nas ruas através de ataques aéreos.

Os líderes do golpe não tiveram outra hipótese senão parar o golpe de Estado e ordenarem aos soldados que se retirassem das ruas e acabassem com o golpe.

Você entende agora porque existem bases americanas em todos os países? É para evitar que o que aconteceu a noite passada na Turquia acontecesse nos Estados do Golfo como o Qatar, a Arábia Saudita, o Bahrein, o Kuwait e os Emirados Árabes Unidos, tudo rodeado pelos militares dos EUA para evitar um golpe.

Você pode encontrar um vídeo no YouTube que mostra o ataque aos helicópteros da força aérea turca e eles a cairem como moscas… mais de 24 helicópteros carregados com oficiais e soldados foram abatidos num piscar de olhos…

Se não fossem os EUA… Erdogan hoje já seria um refugiado num país que o acolhesse caso conseguisse asilo nalgum. Se tivesse sido bem-sucedido o golpe teria acabado com sofrimento de milhões de sírios e iraquianos devido ao terrorismo e armas que provêm da Turquia… teria acabado com o horror do Daesh na região e teria parado migração dos povos afectados pela política de Erdogan e assim como aqueles que se afogam no mar a tentar escapar… os líderes do Daesh e do al-Nusra teriam eles próprios sido detidos na Turquia… e tudo isso teria acabado se o golpe de ontem tivesse sido bem-sucedido… mas isso não é do melhor interesse dos EUA e das suas políticas na região.

Fonte: http://2012portal.blogspot.ch/2016/07/taiwan-ascension-conference-report.html#comment-form

2 thoughts on “Relatório da Conferência da Ascensão de Taiwan e actualização sobre a Turquia ~ COBRA ~ 24-07-2016

  1. Nao consigo entender, os USA promovem guerras pelo mundo todo, e pelo jeito nso vao precisar resgatar todo o sofrimento que causaram as outras nacoes.

Deixar uma resposta

Top
%d bloggers like this: