Como comunicar o Evento às pessoas-chave da sua comunidade

Em momentos de crise é muito importante a qualidade da comunicação, de modo a que nos possamos entender.

Dadas as várias dúvidas apresentados pelos voluntários sobre como comunicar a informação relativa ao Evento, venho desta vez apresentar uma solução prática e acessível a qualquer pessoa que deseja ser parte activa logo durante os primeiros momentos. Trata-se de uma mensagem que pode ser reproduzida e enviada por email, ou impressa em papel e entregue à mão às pessoas-chave da sua comunidade.

Note que este é um período muito importante, pois a maioria da população desconhece o que se está a passar e, por essa razão, devemos estrategicamente escolher as pessoas-chave com maior impacto dentro da comunidade e convidá-las a inteirarem-se e a colaborarem na medida do possível. Estas pessoas são, por exemplo, o presidente de câmara, junta de freguesia, comandante dos bombeiros, protecção civil municipal, forças de segurança pública e agentes de autoridade (PSP, GNR), forças militares (Marinha, Exército, Força Aérea), a direcção regional de saúde da área, direcções de hospitais, direcções de escolas, politécnicos e universidades, executivos de empresas de distribuição de bens e serviços (alimentar, comunicações e energia), administradores de áreas comerciais e hipermercados, canais de televisão, direcção de jornais, rádios nacionais e locais, etc.

A vantagem ao termos esta mensagem preparada é que qualquer pessoa, sendo ou não voluntária nos Grupos de Suporte ao Evento, pode enviá-la sem que isso acresca qualquer responsabilidade para além de a transmitir. No entanto, para aqueles que estiverem disponíveis a colaborarem mais activamente, servirá de ponto de partida para que eles possam apresentar-se às pessoas-chave da comunidade e, desta forma, iniciarem um processo de cooperação em tudo o que for necessário durante a fase de transição.

Segue-se então o exemplo de uma carta, neste caso, dirigida ao presidente de câmara do concelho “X” e aos restantes destinatários que figuram na mensagem:

A/c de: Exmo. Sr. Presidente C-M “X”, Bombeiros Voluntários de “X”, Protecção Civil C-M “X”, Guarda Nacional Repúblicana (GNR), Polícia de Segurança Pública (PSP),  Administração Regional de Saúde de “X”, Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM)

Assunto: Comunicação sobre o Período de Transição Planetária – o EVENTO (01*)

 Mensagem:

MOTIVO DO NOSSO CONTACTO:

Vimos por este meio comunicar-lhe a seguinte mensagem, sobre a qual vos convidamos a inteirarem-se do contexto com a maior brevidade possível, nos seguintes links:

Prepararem-se para a Mudança https://pt.prepareforchange.net/

Resumos aos Líderes Comunitárioshttp://pt.communityleadersbrief.org/

O QUE SE ESTÁ A PASSAR?

De forma resumida, estamos atravessar uma mudança de grande impacto a nível planetário e em que nada será mais como era antes.

COMO IREMOS FICAR?

É da nossa inteira responsabilidade: tudo depende da forma como gerimos hoje os recursos de que dispomos.

O QUE ESPERAMOS DE VÓS?

Através da Vossa compreensão e profissionalismo, cooperarem no que for necessário através dos meios que estão ao Vosso cuidado ou são Vossa propriedade. Abaixo exemplificamos de que forma podem cooperar:

– Câmaras Municipais: Informar as localidades no Vosso Concelho de modo a coordenarem os trabalhos entre si, contactando os presidentes da junta para que tenham os mecanismos de emergência prontos a serem utlizados a qualquer momento, caso necessário. Desta forma, e através dos Planos de Emergência, actuarem, certificando-se de que facultam informação à população sobre o que se está a passar, bem como todos os meios para agilizar os serviços básicos essenciais às Vossas comunidades no caso de ruptura de stock dos mesmos. A vossa acção requererá a participação coordenada das seguintes instituições:

– Corpo de Segurança Pública (Militares, PSP, GNR);

– Corporação de Bombeiros;

– Protecção Civil;

– Hospitais e Centros de Saúde;

– Entidades de Acção Social;

– Lares, Casas de Repouso e Orfanatos;

– Empresas de Serviço de Saneamento Municipal;

– Empresas de distribuição e venda de Electricidade;

– Empresas de distribuição e venda de Combustíveis;

– Empresas de Comunicações;

– Escolas, Politécnicos e Universidades;

– Hospitais ou Clínicas Veterinárias e Canis;

– Empresas de retalho em geral (mercados municipais, mercearias locais, hipermercados e grandes superfícies comerciais).

De forma geral, esta mensagem vem alertar-vos para a situação de emergência iminente, em que ser-lhes-há exigida uma maior capacidade de resposta face a eventuais situações para as quais possam, não estar preparados. Essencialmente, pedimos que assegurem a continuação dos serviços para que não ocorram disrupções maiores. Sabemos que as situações de crise são potencialmente perigosas, podendo resultar em cenários de descontrolo ou de violência entre a população. Não sendo essa a opção a mais desejável, tão pouco transmite uma imagem de seres humanos equilibrados e responsáveis. Nós consideramos vital o desempenho da Vossa acção perante a população que representam, sendo que é necessário transmitir e actuar em segurança e solidariedade para com a Vossa comunidade começando, desde já, pelo exemplo dos orgãos de soberania.

QUEM SOMOS?

Somos um grupo de cidadãos informados sobre o que se está a passar desde há algum tempo. Tencionamos, da melhor forma possível, ajudar neste período específico de transição planetária, através da divulgação de informação fidedigna. A nossa acção visa informar as pessoas de modo a que elas fiquem cientes sobre aquilo que sabemos e que, de forma pacífica e organizada, possamos todos cooperar e encontrar as melhores soluções em conjunto.

Fazemo-lo em consideração para com nós mesmos, para com as nossas famílias, para com as pessoas que convivem connosco diariamente, para com as comunidades das quais fazemos parte, e para com todos os seres do planeta. Sabemos que só através da acção genuína, desinteressada e profundamente enraizada no sentimento que promove e dignifica a Vida – o Amor – é que seremos profundamente bem-sucedidos, por mais difíceis que sejam as circunstâncias em cada momento. Nem sempre é o caminho mais fácil, mas é o único possível para que, de forma justa, todos possam ser beneficiados sem excepção.

Agradecemos a Vossa atenção e pedimos que nos confirmem a recepção e tomada de conhecimento sobre o que aqui está exposto. Aconselhamos a partilha desta mensagem pelos concelhos vizinhos, porque desta forma estaremos a colaborar na expansão da Luz e do Conhecimento, tão necessário para criarmos uma sociedade orientada para o serviço ao próximo e ao planeta.

Estamos disponíveis para sessões de esclarecimento. Para esse efeito, devem-nos contactar através de resposta a este mesmo email. [em alternativa, se não estiverem dispostos a dar o email pessoal para contacto poderão disponibilizar o email geral do Preparem-se para a Mudança em Portugal: prepararamudancaemportugal@gmail.com]

Cumprimentos,

Assinatura e, no caso, identificação do grupo ao qual pertence

Informação de contacto (email ou telemóvel)

 

(*) Para uma melhor organização, aconselhamos que se nomeiem as mensagens de modo a criar-se uma referência sobre a continuidade das comunicações a ser enviadas futuramente.

Além desta mensagem, há que perceber que é necessário fazermos algum trabalho prévio, isto é, fazermos uma pesquisa e criarmos uma lista de contactos dos destinatários a quem tencionamos enviar esta mensagem. Além disso, a vantagem de prepararmos este trabalho com antecedência, tanto a lista de contactos como as cartas, algumas delas impressas em papel, deixa-nos mais livres e despreocupados no caso de acontecer algum imprevisto, porque a imprevisibilidade do Evento e as circunstâncias que dele possam resultar, não nos permite ter garantias. Imagine que há corte da rede eléctrica, ou falha na Internet, isto por si só, inviabiliza o envio de mensagens através de email. Uma outra dica importante é, além das cartas impressas em papel, ter à mão duas pen-drives (uma é backup da outra), com toda a informação necessária sobre o Evento. Por exemplo, os textos que estão no Resumo Informativo para os Líderes Comunitários. Tendo esses ficheiros acessíveis, pode sempre transferi-los para outros computadores ou dispositivos caso não tenha acesso à Internet, ou no caso de falha do servidor, devido a este estar sobrecarregado pelo excesso de visualizações nesse momento.

Espero que esta sugestão possa ser útil, ou que pelo menos venha a inspirá-los para acções específicas no sentido de se prepararem devidamente para quando chegar o momento certo. O texto da mensagem da carta serve apenas como modelo, cada um é livre de adaptá-lo da forma como quiser, adicionando ou suprimindo o que achar necessário sendo que, a partir do momento que o faz, assume a responsabilidade da sua autoria.

Vitória da Luz!

Deixar uma resposta

Top
%d bloggers like this: