Descoberta revolucionária mostra como as Frequências Ressonantes podem matar as células cancerígenas

cancer-sound

Um importante avanço poderá impedir que as pessoas que sofrem de cancro ou dos agressivos tratamentos de radiação e quimioterapia utilizados para matar as células cancerígenas. Os pesquisadores descobriram que, através da criação de sinais eletrónicos digitais personalizados, eles podem destruir as células cancerígenas e o Staphylococcus aureus (MRSA) resistente à meticilina. (Ver o trabalho de Rife para referências históricas).

Anthony Holland, Professor Associado e Director de Tecnologia Musical na Skidmore College, em Nova Iorque, nos EUA, e os seus colegas pesquisadores descobriram que, através da criação de sinais eletrónicos digitais personalizados, eles podem destruir as células cancerígenas e o Staphylococcus aureus (MRSA) resistente à meticilina. Nas suas experiências de laboratório, a equipa usou Campos de Pulso Electrónico Oscilatório (OPEF) para induzir vibrações ressonantes simpáticas que num curto espaço de tempo despedaçaram células-alvo de cancro do pâncreas, leucemia, cancro do ovário e da perigosa bactéria resistente a antibióticos MSRA. Abaixo está uma imagem que mostra o efeito que as frequências de ressonância tiveram sobre as células da leucemia.

cancer-and-resonant-frequencies
Assim como várias frequências de som podem partir diferentes tipos de cristal e vidro, estilhaçar organismos microscópicos é possível porque eles têm muitas propriedades semelhantes às dos cristais líquidos.

Holland criou um dispositivo que utiliza luzes de plasma pulsantes para emitir os sinais eletrónicos na frequência certa para induzir vibrações ressonantes simpática em microrganismos alvo. A pesquisa da Holland mostrou que, não só é possível mudar a vibração de um microorganismo vivo biológico com um sinal electrónico, mas também que as diferentes frequências deste sinal electrónico podem ser utilizadas para atingir diferentes tipos de microorganismos.

Abaixo está uma palestra TED por Anthony Holland (legendas em PT) durante o qual ele revela as suas descobertas. Sensivelmente a meio da sua palestra, Holland mostra vídeos impressionantes de como as várias células cancerígenas reagem às combinações de 11.ª frequência harmónica. Levou aos pesquisadores 15 meses de tentativas de centenas de combinações de frequência para encontrar aquelas com potencial para matar as células cancerígenas. O objectivo de Holland é criar um tratamento que possa ser usado para destruir células cancerígenas e curar os pacientes com cancro sem dor e sem métodos tóxicos.

Fonte: Breakthrough Discovery Shows That Resonant Frequencies Can Kill Cancer Cells

Deixe um comentário

Top